domingo, 14 de abril de 2013

Crianças fazem novas caricaturas para o Salãozinho.

Arthur R. Abade, de 8 anos, caricaturando o Seu Madruga.
















Lia Tricoli, de 12 anos, caprichando no Pe Lanza.






















Alguns alunos do Garatuja já preparam os trabalhos que serão enviados ao Salãozinho de Humor de Piracicaba deste ano. Em outubro de 2011 o aluno Davi Veroneze ganhou segundo lugar na categoria 11 a 14 anos com duas caricaturas, uma do Tiririca e a outra do cantor Marilyn Manson. Em 2012, já com 15 anos, teve de inscrever os trabalhos para o Salão oficial, disputando espaço com artistas bem mais "rodados" e até profissionais da área. Embora tenha enviado dois belos trabalhos, não foi aceito, mas nesse mesmo ano quem entrou no Salãozinho foi a aluna Lia Tricoli. A Lia satirizou os personagens do seriado Chaves e com as caricaturas Senhor Barriga, Chiquinha e Chaves ganhou terceiro lugar na categoria 7 a 10 anos. Embora voltado as crianças, o Salãozinho já é bastante disputado em função do grande número de trabalhos inscritos, número que aumenta  a cada ano que passa. Nossa intenção, ao enviar trabalhos ao Salãozinho, não é ganhar prêmios (embora fiquemos muito contentes por isso), mas de incentivar os alunos a descobrir diferentes linguagens e formas de expressão, além de conhecer o que de melhor se produz na área. Nos dois anos em que o Garatuja participou do Salãozinho, as crianças e seus familiares estiveram presentes na exposição e puderam acompanhar também o trabalho feito pelos "adultos" do Salão oficial. Depois desse contato sentimos um visível interesse por parte deles em tudo que envolve o desenho de humor. Nossa didática de trabalho, adquiridos nos trinta anos de atividades consecutivas no ensino da arte para crianças, engloba sempre uma reflexão da criança antes de botar as "mãos na massa". Essa reflexão vem de longas conversas que surgem quando apresentamos trabalhos realizados pelos maiores artistas da área, através de livros e da própria internet, que, diga-se de passagem, facilitou muito esse processo. O que "cobro" bastante é em relação ao acabamento e elaboração do trabalho, recorrendo para isso de minha longa "quilometragem" na área, ficando atendo aos limites e possibilidades de cada aluno. Quanto ao resto é sempre com a própria criança. Criatividade é com eles e nesse quesito, nós adultos, devemos calar, observar e ver se aprendemos alguma coisa !!!

2 comentários:

  1. Parabéns, Márcio e Élsie, é Atibaia muito bem representada no Salãozinho de Humor! Que venham os trabalhos para nos alegrar na 11ª edição!

    ResponderExcluir